A ADRA – Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais – Regional Sudoeste, está localizada na Rua Oswaldo Martins, 100 – Jd. Refúgio, em Sorocaba/SP, inscrita no CNPJ sob nº 15.355.260/0002-38, pessoa jurídica de direito privado, sem fins econômicos e lucrativos, não governamental, de objetivos assistenciais, beneficentes e filantrópicos.

Fazemos parte da rede internacional de organizações humanitárias independentes da ADRA que foi estabelecida pela Igreja Adventista do Sétimo Dia em 1984. Com presença em 130 países, a ADRA executa projetos de desenvolvimento comunitário e de assistência humanitária sem qualquer distinção política, racial, religiosa, de idade, sexo ou de etnia.

 

Video Institucional ADRA – Região Sudoeste Paulista

 

O trabalho da agência é uma expressão representativa do desejo de melhorar a qualidade de vida daqueles em necessidade, focalizando suas ações em 5 áreas: Segurança Alimentar, Desenvolvimento Econômico, Educação Básica, Saúde Primária, e Gestão de Emergências.

 

PERFIL COMUM DOS NÚCLEOS

 

 POPULAÇÃO ALVO

População  Atendida: Moradores da cidade de Araçoiaba da Serra.
Segmento: Criança / Adolescente
Faixa etária: 06 a 14 anos e 11 meses
Regime de atendimento: Socioeducativo complementar à escola

Crianças e adolescentes de ambos os sexos, com faixa etária de 06 a 15 anos, em situação de vulnerabilidade social decorrente da pobreza, ou precário ou nulo aos serviços públicos, da fragilização de vínculos de pertencimento e sociabilidade ou qualquer outra situação de risco social e pessoal, com dificuldades escolares e provenientes de famílias com renda mensal de até dois salários mínimos.

Criança e adolescentes que estejam cursando o ensino fundamental ou médio, com dificuldades na relação ensino-escola, frequência inferior a 75%, baixo aproveitamento e dificuldade de relacionamento na escola, podendo ou não serem encaminhados pelo CRAS, CREAS ou Conselho Tutelar.

 

OBJETIVOS

 

Objetivo Geral

Através do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, oferecer um programa de ações complementares à escola e de apoio psicossocial, prioritariamente àqueles em situação de risco pessoal e social, proveniente de famílias com até dois salários mínimos. Ajudando-os a atingirem seu potencial físico, mental, moral e espiritual. A se sobrepor aos problemas de uma infância difícil, promovendo assim, sua plena integração à sociedade, oferecendo o direito à cidadania e prevenindo as ocorrências de situação de risco.

 

Objetivos Específicos

  • Fortalecer as relações pessoais, familiares e sociais.
  • Propiciar condições para o acesso, permanência e/ou retorno à escola, contribuindo para o sucesso escolar das crianças e adolescentes.
  • Possibilitar o acesso das crianças, adolescentes e respectivas famílias à rede de serviços pública e privada.
  • Realizar ações conjuntas com demais serviços ou programas Municipais/Estaduais/Federais, visando oferecer as crianças, adolescentes e suas famílias, condições propicias para o desenvolvimento social, minimizando ou anulando sua condição de exclusão.
  • Desenvolver ações centradas na família, por ser esta o núcleo essencial à constituição de vínculos afetivos importantes, informando e apoiando os pais para desempenharem com competência seu papel de educadores.
  • Oferecer atividades coordenadas entre si, atendendo às necessidades e interesses, das crianças e adolescentes, de acordo com sexo, faixa etária, condições de vida e grau de desenvolvimento físico e mental.
  • Manter o atendimento a 70 crianças e adolescentes de 06 a 14 anos e 11 meses, em atividade sócio educativas e em horário extraescolar, de segunda a sexta-feira das 7h30 às 12h30 e das 12h00 às 17h30.
  • Oferecer duas refeições diárias balanceadas.
  • Organizar grupos semanais de produção e oficinas de aprendizado.
  • Promover excursões educativas, visando o amor à natureza e conhecimento da ecologia.
  • Promover eventos em ocasiões especiais e datas comemorativas.
  • Realizar reuniões semanais com funcionários para garantir o cumprimento das metas fixadas e recebimento de novas.
  • Participar de cursos de capacitação.
  • Realizar reuniões mensais com os pais e responsáveis pelos assistidos ministrando palestras, fortalecendo assim o vínculo familiar, além de promover a integração e troca de experiências, com as famílias.
  • Participar de reuniões convocadas pelos Conselhos Municipais e outros órgãos Governamentais e não Governamentais.
  • Organizar cursos de Inicialização à informática para todos os usuários.
  • Organizar oficinas de artesanato, canto coral e pintura com atividades semanais.
  • Organizar grupos semanais para utilização dos recursos lúdicos na brinquedoteca e biblioteca.
  • Buscar sempre que possível, voluntários capacitados para diversificação das atividades.
  • Promover a valorização da escola, levando-se em conta a dimensão formativa da educação, favorece a integração familiar e comunitária.

 

OFICINAS

  • Alimentação
  • Apoio escolar
  • Artesanato
  • Atividades com a família
  • Biblioteca
  • Brinquedoteca
  • Culinária
  • Esporte e lazer
  • Hora da leitura
  • Informática
  • Musicalização
  • Recreação

 

PARCEIRIAS

  • Governo Federal
  • Governo Estadual
  • Governo Municipal
  • ABAS (Associação Banespiana de Assistência Social)
  • Bimbo Aquilone Onlus
  • Doadores voluntários
  • Internacional Children’s Care